Feconbras pede prorrogação de pagamentos e suspensão de multas por atraso nas obrigações acessórias

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

A FECONBRAS – UNIÃO DAS FEDERAÇÕES DOS PROFISSIONAIS DA CONTABILIDADE DO BRASIL encaminhou um documento ao Ministério da Economia e à Câmara dos Deputados para fazer reinvindicações nesse momento tão difícil em que o mundo enfrenta uma verdadeira guerra contra um “inimigo” invisível.

A carta foi entregue aos deputados federais, e ao Ministro Paulo Guedes, ao Secretário Nacional de Governo Digital Luis Felipe Salin Monteiro, ao Secretário Especial de Previdência e Trabalho Bruno Bianco Leal, ao Secretário Especial da Receita Federal do Brasil José Barroso Tostes Neto e ao Secretário Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital Paulo Antonio Spencer Uebel.

O documento lista algumas considerações que a Feconbras julga ter necessidade imediata para minimizar impactos no segmento empresarial e contábil, como suspensão urgente das multas por atraso na entrega de todas as obrigações acessórias federais por 180 dias e prorrogação do pagamento de todo e qualquer Tributo Federal e Encargos Sociais e parcelamentos por 90 (noventa) dias (PIS, COFINS, Cont. Social, IRPJ, IRPF, Simples Nacional, IRRF, IOF, GPS, FGTS) e todos os demais previstos em nossa legislação.

LEIA NA ÍNTEGRA O DOCUMENTO, CLIQUE AQUI

A Feconbras é uma sociedade civil de direito privado, sem fins lucrativos, constituída com a finalidade de congregar as Federações do Brasil, que representam mais de 500 mil Profissionais de Contabilidade, para atender a infinitas solicitações de nossa categoria,

 

Deixe um comentário